[relato] Argentina – Pós-Viagem / Infos Gerais

[enquanto lê, escute – me segurei pra não chorar ao escutar essa música no rádio no carro em meio a Cordilheira dos Andes]

na foto, uma das casas do Caminito, em La Boca/Buenos Aires

uma viagem. 14 dias fora de casa. 1858 fotos.
poucos perrengues. muitos lugares incríveis.
3 novas garrafas pra minha coleção.
alguns reais gastos. vários amigos.
inúmeras coisas aprendidas.
que experiência!

resumo assim a minha viagem pela Argentina, em Julho de 2014.

foi a terceira vez que parti sem ninguém na viagem mais longa que fiz sozinha; foi incrível!
sai pensando aquilo que sempre penso: “por que eu invento essas coisas? por que não fico em casa descansando?” – mas dessa vez fui sem medo (essa foi a primeira observação que fiz no meu caderno de viagens) e já comecei – e terminei – a trip dormindo no chão gelado do aeroporto.

o primeiro e o último dia
o primeiro e o último dia

pra não ficar tão extenso e deixar vocês curiosos por cada “capítulo”, o relato será dividido em partes e nessa vocês encontrarão mais ou menos os mesmos tópicos do post pré-viagem, que fiz com as expectativas pra tudo isso, mas agora com o que realmente aconteceu.

espero conseguir transformar em palavras e materializar com fotos tudo o que vi, senti, conheci e aprendi durante esses dias.
aproveitem, comentem e critiquem; a troca de informações sempre é bem vinda!

 ROTEIRO

Planejei 13 dias de viagem, mas foram 14 porque – na volta – meu voo foi adiado para o outro dia 😦

Voei para Argentina no dia 19/7 e cheguei no Brasil no dia 02/8.
Fiquei 2 dias em Buenos Aires x 1 em Córdoba x 1 em Alta Gracia x 5 em Mendoza x 5 dias em BsAs

 MOCHILA

Como disse no post pré-viagem, essa foi a mochila mais leve que fiz: 6,7 kg! Mas voltei com incríveis 13 kg (!!!) nas costas – agora como eu consegui dobrar seu peso eu não faço a menor ideia!  Não trouxe muitos presentes…e o que mais pesava eram 3 garrafas de vinho…vai entender! hahaha

Seguro viagem america do sul 728x90

Levei o que citei no post anterior, mas adicionei 1 par de tênis – porque, como não tenho bota a prova d’água, pensei “se eu for pra neve e meu all star molhar? fodeu” – e um shorts – que eu jurava que ia usar!

O que eu poderia ter deixado em casa: 1 calça moletom e 1 blusa de lã pra dormir, o tênis extra, 1 meia-grossa, 1 meia-fina, shorts.

O que eu poderia ter levado: 1 adaptador pra tomada (não sei como tive a capacidade de esquecer!!!!), papel higiênico (nos banheiros públicos eles cobram pra te dar e no hostel nem sempre tinha – de qualquer maneira, comprei por lá mesmo), 1 leggin extra, tesoura, abridor de vinho, copo, talheres.

 DINHEIRO

Uma das partes mais importantes e esperada dos relatos!
Mas calma…. antes de detalhar, eu queria deixar registrado aqui que milagres acontecem zoeira, foi economia mesmo: antes de ir (até citei no outro post), fiz umas contas e certamente faltaria dinheiro…achei que teria que dormir na rua, lavar pratos etc, MAS SOBRARAM INCRÍVEIS QUASE R$300! hihihi

Daqui, levei R$1150 reais (que antes de ir troquei por dólares porque tava valendo mais a pena).
Contando com a passagem (ida e volta, pela Gol), gastei R$ 1447,47. Como eu sempre digo dava pra gastar menos, tomando menos cervejas, comendo menos alfajores e não comprando presentes, mas como tava sobrando dinheiro e eu tava muito feliz por isso, me permiti gastar além – até visita guiada em museu eu fiz… ryca, phyna!

Bem, ta tudo bem detalhado aqui, aproveitem!
Obs: pra melhor visualização, façam o download da planilha…porque as células têm comentários importantes =)

 COTAÇÃO

A moeda de lá é o Peso Argentino.
Para a COMPRA de pesos, a cotação que encontrei na Calle Florida – a principal do câmbio paralelo de BsAs – no dia 20/7  foi de:

11,80 pesos por notas de 100 dólares e 11,50 para as demais notas.
4,7o pesos por real

Para a VENDA de pesos, no dia 01/7  foi de:

5,30 – 5,50 pesos por real

Dica: além de não trocar a grana no aeroporto e aproveitar o câmbio paralelo, é pechinchar…pesquisar em vários lugares o valor e pegar o que mais vale a pena. E antes de ir – pra fazer as contas – dê uma conferida no Dólar Blue, com infos sobre o câmbio paralelo na Argentina.

 INFORMAÇÕES E IMPRESSÕES GERAIS

– a viagem foi incrível, mas não foi tudo lindo. passei perrengue e frio; tive vontade de voltar e teve um dia em que pensei: mas que caralho to fazendo? não aguento mais essa mochila nas costas, esse lugar, quero minha casa! – mas depois passou. Em uns dias, queria chorar de emoção; em outros, de raiva. Faz parte! haha

– nos coletivos, se você não tem o SUBE – cartão de ônibus deles, além de pagar mais, você só pode utilizar MOEDAS;

moedas são coisas RARAS na Argentina…descobri isso – e me irritei – logo no primeiro dia de viagem. em breve vocês entenderão;

– GUARDE as moedas que te derem como troco; são importantes.

– quase não usei os ônibus e metrô porque eu gosto MUITO de caminhar pelos lugares – conheci tudo a pé; eu faço isso não somente para economizar, mas porque, dessa maneira, a gente conhece melhor os lugares, a arquitetura, as ruas, as pessoas, se perde e acaba encontrando lugares que não estavam no roteiro….e acontece mesmo!

– os motoristas de ônibus, em geral, me trataram mal…mas faz parte. já sobre os taxistas eu não posso falar nada, porque andar de táxi nunca entra no meu roteiro – só uso se for realmente barato, como na Bolívia –  mas na maioria dos posts que li e os brasileiros que conheci por lá falavam que são grossos e espertinhos – as vezes cobram a mais por bagagem extra, ficam rodando com você pela cidade etc. então, cuidado.

– as únicas certezas que eu tinha era a data de ida…porque até a volta foi alterada (voo cancelado hehe); embora eu tivesse mais ou menos um roteiro, tudo foi decidido e reservado na hora – passagens, hostel, passeios etc.

(anotação no caderno de viagem): nunca esquecer um adaptador de tomada – tive que pegar emprestado de umas meninas no hostel e da minha host, em Mendoza – e papel higiênico – como disse ali em cima, eu comprei por lá…mas é sempre bom ter na bolsa pra não precisar pagar nos banheiros públicos.

– quando fui para o Uruguai, achei o café deles bem fraco; na Bolívia também e, na Argentina, não foi diferente…ou talvez o nosso café é que seja forte demais! haha

na beira da lagoa em Alta Gracia, Córdoba lendo On The Road, do Jack Kerouac e comendo pão com doce de leite que trouxe na marmita
na beira da lagoa em Alta Gracia, Córdoba lendo On The Road, do Jack Kerouac e comendo pão com doce de leite que trouxe na marmita

– arroz, feijão… não comi por lá e quanta saudade eu senti! talvez ofereçam, mas não vi em nenhum restaurante. o prato principal são os pollos (frango), milanesa e papas fritas (batatas fritas);

– medialunas, medialunas e medialunas: o prato principal do café da manhã porteño

– dica especial do mochileiro e da gorda (que aprendi com um amigo carioca): sempre que puder, coma muito… ainda mais se for de graça; você não sabe quando será sua próxima refeição! hahaha Por isso, no café da manhã nos hostels (que normalmente estão inclusos no valor da diária) eu comia muitas medialunas e bolinhos…vai saber né?!

Seguro viagem america do sul 728x90

– e, pra fechar, herman@s, como gostei de vocês! como foram simpáticos, queridos, receptivos, incríveis!
talvez seja sorte, porque quase todos os brasileiros que conheci falaram que foram maltratados e não gostaram MESMO dos argentinos, mas fui muito bem tratada. além disso, quase todos os argentin@s que conheci se encantam pela nossa cultura, pelo português, pela coxinha, caipirinha, pessoas etc. triste porque nem sempre isso é recíproco… mas, olha aí: brasileir@s, a argentina a américa do sul é incrível. descubram!


Na casa da minha host em Mendoza!
Na casa da minha host em Mendoza!

Enfim! Foi sensacional.

Obrigada, obrigada e obrigada a todos que me deram dicas e postaram relatos na internet, que aguentaram a minha ansiedade, aos que ficaram ansiosos junto comigo e que me mandaram boas energias. E agradecimento especial à família da Sofi que me recebeu tão bem em Mendoza!

Seguro viagem america do sul 728x90

Espero conseguir retribuir tudo isso com esses relatos, ajudando outros mochileiros.
Em breve, os próximos capítulos! Aguardem.

Hasta luego

 

 

Advertisements

11 thoughts on “[relato] Argentina – Pós-Viagem / Infos Gerais

  1. Em primeiro lugar, parabéns pelo post!

    Estou planejando fazer uma viagem para Argentina ou Chile em Janeiro de 2015, estou lendo tudo quanto é relato de viagem que encontro por aí, gostei bastante do seu, inclusive da planilha de gastos (hehehehe). Estou tendendo para a Argentina, mas estou receoso quanto à crise que eles vivem lá e isso me deixa com um pé atrás quanto aos preços das coisas por lá…
    Estou com um orçamento parecido com o seu para passar 7 dias, mas posso aumentá-lo caaaaaaaaso seja necessário, mas muito necessário.
    Vou com minha namorada, temos a mesma quantia, cada um.
    Você ficou sabendo de preços de Hostels ou hotéis com quarto para 2 com preços bons e boa qualidade?
    Você acha que com uma média de 150 reais por dia, dá pra almoçar, jantar, lanchar e fazer uns passeios interessantes?
    É nossa primeira viagem.

    Aguardo sua resposta! Obrigado!

    Abraço,

    Tiago

    1. Ola Tiago! Feliz por ter chegado até aqui e pelo post ter te ajudado!
      Acho que por enquanto nao é necessario se preocupar com os valores…é só dar uma olhada no cambio (www.dolarblue.net) 🙂

      Voces ficarao somente por Buenos Aires?
      150 reais/dia é para os dois? Eu acho que tá otimo! Eu planejei 30reais/dia com comida (e consegui gastar menos! hahaha) e nao gastei quase nada com passeios por la (somente em Mendoza)
      Mas precisa ver tambem o estilo de viagem de voces…se for um estilo mais economico, vai sobrar grana. Se preferir um pouco mais de conforto e comer em restaurantes mais bacanas, acho que é suficiente! =)

      Logo vou escrever mais sobre os outros dias e espero que possa ajudar mais voces!

      bjos

  2. Olá. Descobri você através dos mochileiros.com. Queria saber uma coisa. Vou pra Buenos Aires dia 03 de setembro e tenho 1000 reais pra gastar em 10 dias. Onde você trocou seus dólares por pesos na Calle Florida? Todo mundo fala muito sobre falsificação de dinheiro e estou um pouco receosa. Mas não tem jeito, tá muito discrepante a cotação oficial pro dolar blue, que hoje tá em 13,20. Beijos e obrigada

    1. Oi Debora!

      Acho que é um bom dinheiro para a quantidade de dias. Vai ficar por Buenos Aires ou vai pra alguma outra cidade? Com essa cotação, você ta ryca (com “Y” mesmo pra deixar mais fino! hahaha) sério…aproveite.

      Fiquei com o pé atrás quando fui trocar na Florida, todos têm cara de que vão te dar um golpe….mas foi tranquilo. Não tive problema algum… antes de sair de onde trocar o dinheiro, conte as notes e dê uma olhada por cima pra ver se estão ok… =)

      Boa biagem!
      beijos

  3. Eu vou ficar quase todos os dias em Buenos Aires. Exceto na sexta, que vou pra Santa Fé ver um show de graça do Kevin Johansen (conhece? ele é muito, muito bom!) na universidade de lá. Já dei uma olhada, as passagens pra Santa Fé estão 600 pesos, ida e volta, e eu vou voltar na mesma madrugada, pra dormir no ônibus, já é uma economia. Espero que dê tudo certo! Vai ser a primeira vez que saio do país. Ah, uma outra coisa que eu queria te perguntar: as segunda peles que você comprou são da Decathlon. Elas funcionam mesmo? Sou muito friorenta, moro em Goiânia que é um calor infernal o ano inteiro, to com medo de passar frio. Já comprei duas polar, tipo esta que vc marcou na sua bagagem, e vou ver se compro as segunda peles, tanto calça como blusa térmica. Obrigada! Adorei seu texto! Você me pareceu uma pessoa muito legal pra se encontrar e conhecer!

    1. Que delícia, Débora!
      Olha…de primeira pensei “não conheço esse Kevin não…” mas li de novo o nome dele e não parece estranho. Enfim! Dei uma pesquisada e achei um álbum dele com uma ilustração do Liniers (conhece?)…tive a honra de ir numa exposição dele em Buenos Aires. Show!

      Será que não vale a pena passar uma noite em Santa Fé pra conhecer a cidade? (to jogando a ideia…não sei n-a-d-a sobre Sta Fé)

      Vai dar tudo certo sim! Você já viajou sozinha ou é a primeira vez?

      Sobre as roupas: elas funcionaram sim, mas sozinhas não adianta. Tem que se vestir em camadas!
      Em BsAs eu me vestia assim nos dias mais frios: segunda pele, uma blusa normal, uma lã e uma de couro por cima.

      Obrigada você! Espero que faça uma boa viagem
      (e já vou adicionar você no Face pra gente papear e eu ver as fotos da sua viagem! hahahaha) #VemPraSPTambém

      beijão!

  4. Boa tarde Nathaly, td bem???

    Nossa, sua experiencia em BA esta me ajudando muito em minha programaçao. Sera minha primeira viagem internacional sozinho ( Iria com um amigo, coisa que ja planejavamos desde o ano passado, mais por alguns imprevistos ele nao ira mais, ai msm assim, decidi seguir nessa peregrinaçao sozinho ) entao estou buscando o maior numero de informaçoes possiveis para que possa aproveitar ao maximo esta viagem, inclusive planejando e re-planejando os roteiros e locais a serem visitados.

    Viajarei so em outubro, mais estou intensificando minhas pesquisas sobre a cidade, ou melhor, as cidades proximas e minha maior fonte de pesquisa esta sendo relatos como os seus. Ja reservei passagens e hospedagens entao acho que sera so curtiçao

    Obrigado e espero que no retorno tambem consiga relatar minuciosamente minha viagem para ajudar tb os proximos aventureiros

    Bjs

    1. Oi Luciano!
      Que otimo que não desistiu da sua viagem….voce vai ver que será incrível!
      Voce ja viajou por territorio nacional sozinho? Quantos dias voce vai ficar por la?

      Eu fiquei 12 dias, mas só consegui escrever dois posts…tem muuuuuuita coisa ainda pra escrever hahahaha
      Qual o seu roteiro? Por onde vai passar?

      Sobre relatos: antes de fazer minha primeira viagem, pesquisei muito e consegui bastante informação por causa de relatos.
      Decidi retribuir! hahahaha

      Bjosss

  5. Mais um relato incrível, né Nathy?!? Só não consegui baixar sua planilha, google drive alerta que foram feitos vários downloads…rsrsrs…. óbvio, né! Parabéns por esse espírito destemido!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s